terça-feira, 14 de novembro de 2017

Transtorno de processamento auditivo em adultos



Como o transtorno do processamento auditivo impacta a vida e o que você pode fazer?

O transtorno de processamento auditivo em adultos geralmente é confundido com uma perda auditiva. Geralmente as pessoas ficam surpresas, quando recebem o resultado da audiometria e é "normal" e, no entanto, elas sabem que não estão "ouvindo" com precisão, particularmente em situações sociais onde há ruído de fundo.

O transtorno de processamento auditivo em adultos é um déficit no processamento das informações auditivas. É um problema auditivo não explicado pela perda auditiva. Além de ouvir, o transtorno do processamento auditivo pode afetar a leitura, a realização de testes e o funcionamento geral do dia a dia.

Reconhecendo o transtorno de processamento auditivo

Muitos adultos mantem o transtorno do processamento auditivo durante toda a vida. Eles podem ter tido dificuldades em ler, manter-se na aula e / ou ouvir em situações ruidosas, mas nada tão grave que eles pensaram que era necessário agir.

E isso acontece até que eles precisam melhorar suas habilidades de leitura ou realização de testes para dar o próximo passo na carreira, ou até que envelheçam e um “pequeno” problema no processamento auditivo “cresce” e, portanto, tem mais impacto em suas vidas diárias. À medida que envelhecemos, o sistema nervoso auditivo se torna um pouco menos flexível, o que significa que a habilidade de escuta e processamento, especialmente com o ruído de fundo, é mais desafiadora.

Tratamento para dificuldades de processamento auditivo em adultos

À medida que aprendemos mais sobre o transtorno do processamento auditivo em adultos e crianças, mais opções de intervenção se tornaram disponíveis. Isso inclui modificações ambientais, como usar um sistema de escuta de FM. Além disso, existem tratamentos com foco na neuroplasticidade que "aproveitam" a capacidade do cérebro para melhorar a qualquer idade. Procure um fonoaudiólogo! Ele poderá te orientar melhor sobre isso!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores