quinta-feira, 2 de junho de 2016

5 atividades de processamento auditivo que você pode fazer sem gastar um centavo!



     Muitos pais e professores me questionam sobre atividades adicionais para fazer com seus filhos ou alunos que têm dificuldades de processamento auditivo devido ao distúrbio do processamento auditivo, transtorno do déficit de atenção, dislexia, dificuldades de aprendizagem ou autismo. Então eu selecionei “5 top atividades” que você pode fazer sem gastar um centavo utilizando basicamente o que você já tem em casa ou na escola!

Atividade 1: Qual som o professor fez?
     Peça as crianças que fechem os olhos e identifiquem os sons que o professor faz. Exemplos de tais sons incluem deixar cair um lápis, arrancar um pedaço de papel, usar o grampeador, quicar uma bola, apontar um lápis, bater no vidro da janela, abrir a janela, apagar as luzes, folhear um livro, cortar com a tesoura, abrir uma gaveta ou escrever no quadro. Esta atividade estimula o reconhecimento de sons não-verbais.

Atividade 2: Perto ou longe?
     Com os olhos fechados, a criança deve julgar que parte do quarto um som está vindo, e se é perto ou longe. Esta atividade estimula a localização sonora, reconhecimento de intensidade sonora e nomeação (transferência inter-hemisférica).

Atividade 3: Consoantes iniciais.
     Peça para a criança contar qual palavra começa como “mola”. Diga três palavras como “astronauta, montanha, bicicleta”. Esta atividade estimula discriminação, atenção auditiva e consciência fonológica.

Atividade 4: Jogo da cabra-cega
     Uma criança no grupo diz algo como um som de um animal, sentença, perguntas ou frase. A criança com os olhos vendados tem que adivinhar quem é. Esta atividade estimula a habilidade de reconhecimento de sons verbais.

Atividade 5: Atenção para os sons
     Peça a criança para fechar os olhos ou sentar-se de costas. Bata palmas, toque um tambor, quique uma bola, etc. Peça a criança para contar quantos sons foram feitos ou peça para repetir os sons feitos. O padrão rítmico também pode ser pedido! Esta atividade estimula detecção, discriminação e memória para sons não verbais.

Gostou destas atividades? Compartilhe! Até a próxima semana!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores